Doenças de Pele no Bebê

“Eu me lembro da primeira vez que te peguei no colo e senti a sua pele delicada encostar na minha. Passar a mão no seu rosto, sentir o seu calor. A minha pele, agora de mãe, em contato com a sua pele, meu filho.”

A delicada pele de um bebê, mais sensível do que a de crianças maiores e dos adolescentes. E que por isto precisa de cuidados específicos, principalmente nos primeiros meses após o nascimento. Durante 9 meses o bebê fica imerso em um ambiente cheio de líquido. Ao nascer, sua pele entra em contato com o mundo externo, seco e com uma temperatura diferente da que estava acostumado. As mudanças são várias e a pele tem que se adaptar a todas elas.

A pele do bebê é mais fina e delicada, perde mais água e por isto tende a ser mais ressecada. Por ser mais fina a pele do bebê absorve as medicações com mais facilidade. Os bebês recém-nascidos podem apresentar bolinhas pelo corpo, casquinhas na cabeça, descamação generalizada (como uma “troca” da pele) e até mesmo espinhas (acne). Estas alterações podem significar somente um processo fisiológico em resposta a toda esta adaptação.

Algumas vezes os pais podem perceber alterações mais intensas na pele, o que pode ser razão de preocupação. Neste caso, mesmo que não haja risco para a saúde do bebê, pode ser instituído um tratamento apropriado que alivie e melhore os sintomas.

  • Qual sabonete usar? Líquido ou em barra?
  • Como devo lavar as roupas do meu bebê?
  • E o banho, pode durar quanto tempo?
  • Posso passar perfume na pele do bebê?

Procure esclarecer suas dúvidas.
Uma boa conversa e uma explicação adequada certamente trará a tranquilidade necessária para este importante momento na vida entre pais e filho.

  • bolinhas na pele
  • brotoeja
  • espinhas bebê
  • mancha vermelha
  • hemangioma
  • bebê careca
  • assadura
  • lenço umedecido
  • descamação pele
  • seborréia
  • casquinhas na cabeça
  • repelente para bebê
  • irritação saliva na pele
  • chupeta e irritação pele